© 2019 by JRFassina Tecnologia. 

  • Wix Facebook page

Luverdense vence Caxias de novo e conquista acesso inédito à Série B

Verdão do Norte alcança feito inédito em sua curta história. Vitória por 2 a 0, hoje, e 4 a 1 no agregado sobre o Caxias, garante time na Segundona

 

Por GLOBOESPORTE.COM - Lucas do Rio Verde, MT - 27/10/2013 18h49 - Atualizado em 28/10/2013 10h26

 

O Luverdense era um até às 18h47 do dia 27 de outubro de 2013. O Luverdense é outro após às 18h47 do dia 27 de outubro de 2013. A vitória sobre o Caxias por 2 a 0, neste domingo, pelas quartas de final da Série C do Campeonato Brasileiro, garantiu o acesso à Série B do Brasileiro, em 2014. O Verdão do Norte, com apenas nove anos de idade, está entre os grandes do país. O sonho foi alcançado. A partida foi disputada no Estádio Passo das Emas, que estava lotado de animados luverdenses, que agora poderão acompanhar o time na Segunda Divisão. Os gols foram marcados por Misael e Rafael Tavares.

 

A vantagem já era boa, pois tinha vencido o time gaúcho por 2 a 1, dentro do Estádio Centenário, em Caxias do Sul (RS), no jogo de ida. Com a vantagem de poder empatar e até mesmo perder por um gol de diferença, o time entrou em campo com o 'regulamento embaixo do braço'. No fim, 4 a 1 no placar agregado.

 

O Caxias bem que tentou, criou boas chances e chegou a assustar a meta de Gabriel Leite. Mas foi em vão. Não conseguiu acabar com a invencibilidade do Luverdense, que agora foi a 16 jogos dentro de casa, quando contabilizados jogos por torneios nacionais.

 

Ao time grená, resta concentrar esforços no Campeonato Gaúcho e na Série C de 2014, para tentar buscar o acesso. Ao Verdão do Norte? Comemorar. Vibrar. Gritar. O time do interior mato-grossense irá representar o estado na segundona nacional, feito que não acontecia desde 1995, com o Barra do Garças. Talvez nem os atletas saibam o tamanho da conquista.

 

O ano de 2013 ficará guardado na memória do torcedor do Luverdense. O 13, número de azar para muitos, deu à equipe de Lucas do Rio Verde duas de suas maiores conquistas. Em agosto, recebeu e bateu em casa o Corinthians, atual campeão do mundo, pela Copa do Brasil, com gol do mesmo Misael. Mas a maior das glórias do time foi a conquista de hoje.

 

No ano em que Mato Grosso irá sediar a Copa do Mundo, um time local estará na rota dos grandes jogos. Lucas do Rio Verde, 330 km de Cuiabá e com apenas 60 mil habitantes será a premiada de ter seu filho mais ilustre na Série B.

 

Agora, o Luverdense aguarda o vencedor do duelo entre Betim e Santa Cruz, para saber quem será seu adversário na semifinal da Série C.

 

Calor e nada de gol

 

O jogo começou às 17h (de Brasília), mas em Lucas do Rio Verde ainda eram 16h. Com isso, os times entraram em campo sob o sol forte, tanto que os próprios atletas do time da casa reclamaram desse fator no intervalo. Dentro de campo, a primeira etapa foi igual. Ambos tiveram boas chances de balançar a rede.

 

A primeira foi do Luverdense, com Misael, mas a bola escapou do seu domínio, aos 12 minutos. O time grená respondeu em seguida, mas Zé Mário mandou pra longe. Com 18, Romário quase marcou seu primeiro gol pelo Verdão do Norte, em lance que o goleiro Douglas salvou a cabeçada.

 

Ao Caxias só restava a vitória por dois gols de diferença. O primeiro quase veio com Charles, mas o atacante errou o que seria um gol certo, aos 31. O jogo era lá e cá. Júlio Terceiro arriscou de longe e Douglas fez boa defesa.

 

Aos 40 minutos, a trave do Passo das Emas balançou. Após passe de Romário, Washington tocou na saída do goleiro Douglas, mas a bola parou no poste. Perto do apito do juiz, Rafael Tavares ainda desperdiçou mais uma.

 

Misael, o iluminado

 

Nenhum treinador mexeu no time para o segundo tempo e assim como terminou a etapa inicial, começou a segunda. Com Rafael Tavares perdendo gol claro, aos 3 minutos. Antes dos 10 minutos, o treinador Edemar Picolli abriu seu time, com a entrada do meia Cacá na vaga do lateral-direito Felipe.

 

O treinador Júnior Rocha também teve que mudar, mas obrigado pela contusão de Romário, que saiu para entrada de Samuel. Picolli mudou novamente, aos 15 minutos, com a entrada de Trípodi na vaga de Baiano. Tudo em vão.

 

Aos 17, o atacante Misael recebeu cruzamento de Samuel e mandou para as redes: 1 a 0 no placar e vaga quase garantida. E foi o mesmo Misael, que marcou o gol da vitória sobre o Corinthians. A essa altura, o Caxias teria que marcar três gols para se classificar. O acesso foi confirmado aos 25. Misael, ele novamente, passou para Rafael Tavares, que tocou por cima do goleiro Douglas para marcar o segundo gol do Luverdense. No fim, Charles ainda carimbou a trave do Luverdense.